https://goo.gl/HjLRc6

Carrinho de compras

Músico cria guitarra com escudos de times

Garantida a patente, músico iniciou negociação para a produção em larga escala
Postado por Rafael Luis Azevedo - 25/fev/2016
Ricardo Moreira criou guitarras (e violões) com o corpo no formato de escudos de futebol (Foto: Divulgação)

Ricardo Moreira criou guitarras (e violões) com o formato de escudos (Foto: Divulgação)

Futebol e música fazem uma tabelinha antiga. Para fortalecer ainda mais essa relação, um músico paulista teve uma ideia genial. E se o corpo de uma guitarra tivesse o formato de escudo de time? Ricardo Moreira resolveu testar o resultado, e viu nisso uma oportunidade de negócio.

“Comecei a assistir a tutoriais de luthieria (construção de instrumentos musicais) pelo Youtube e, inicialmente, queria produzir peças normais. Porém, do nada, quando estava riscando a madeira para serrar, tive o ‘insight’ de fazer o corpo estilizado”, relembra Ricardo, de 43 anos.

> LEIA TAMBÉM

Pelas suas mãos, nasceram peças de Palmeiras (guitarra e violão), Santos e São Paulo (guitarra) e Corinthians (cavaquinho), além do Barcelona (baixo). O inventor produziu ainda guitarrinhas de brinquedo do Vitória e do River Plate. E acredita que é possível reproduzir qualquer escudo.

Segundo o inventor, a sonoridade das peças é igual a de um instrumento comum (Foto: Divulgação)

Segundo o inventor, a sonoridade é igual a de um instrumento comum (Foto: Divulgação)

Para fazer cada unidade, Ricardo precisa de uma semana. “Não me dedico só a isso”, indica o professor de português em cursinhos de Santo André. Mesmo com a produção em pequena escala, ele vem gostando do resultado, e garante que não é uma peça meramente decorativa.

A sonoridade, por exemplo, é a mesma de uma guitarra comum. O que varia com cada escudo é a ergonomia. “A do Santos tem um ótimo formato para se tocar. Com o escudo do São Paulo, é mais confortável se for tocar em pé, com correia”, explica Ricardo, torcedor palmeirense.

“Queria produzir peças normais. Quando estava riscando a madeira para serrar, tive o ‘insight’ de fazer o corpo estilizado”. (Ricardo Moreira)

Garantida a patente, Ricardo iniciou negociação com uma empresa para a produção em larga escala, com o licenciamento dos times. “A torcida que mais me consulta é a do São Paulo, seguida do Botafogo”, aponta o inventor, que por enquanto esbarra no acesso ao marketing dos clubes.

Para receber o empurrão que precisa, Ricardo pesquisou o time de coração de músicos, para presenteá-los. “Inicialmente, mandei uma guitarra de miniatura do Vitória para Ivete Sangalo, junto a umas músicas que compus”, indica. Se ela aparecer em cima do trio elétrico, vai levantar poeira!

Guitarras de clubes:
www.ricardomoreira.com.br

Vimos isso no canal Tresloucados.

Clique no link e leia também:

Top-11-dos-100-anos-do-futebol-na-musica
Top 11 dos 100 anos do futebol na música

Conheça o autor

Rafael Luis Azevedo

O jornalista Rafael Luis Azevedo, 34 anos, é editor do site Verminosos por Futebol desde 2012. É também coordenador do portal Tribuna do Ceará, e teve passagens por jornal O Povo, O Povo Online e TVs Jangadeiro/SBT, O Povo/Cultura e Cidade/Record. Já fez reportagens para as revistas Four Four Two (ING), So Foot (FRA), Courrier International (FRA) e Placar, os sites BBC Brasil, Vice e Agência Pública e as TVs France 2 (FRA), France 24 (FRA) e Fusion (EUA). Já venceu 21 prêmios de jornalismo, incluindo Esso, Embratel e Petrobras, cobriu duas Copas do Mundo in loco e foi co-autor de livros sobre o Ceará e o estádio Presidente Vargas.

Compartilhe:

// Categorias

// histórico de publicações

Arquivos

https://goo.gl/HjLRc6



// As mais lidas

Http://www.AUTO-doc.pt

https://goo.gl/HjLRc6