Verminosos por futebol

https://goo.gl/HjLRc6

Deu a louca

Fã foi a mais de mil jogos seguidos do QPR

Tony Incenzo se orgulha de um feito incrível: tem ido a todos os jogos em casa desde 1973

Tony Incenzo tem ido a todos os jogos em casa do QPR desde 1973 (Foto: Ian Tuttle/Daily Mail)
Tony Incenzo tem ido a todos os jogos em casa do QPR desde 1973 (Foto: Ian Tuttle/Daily Mail)

Poucos torcedores podem se dizer tão fieis a um time quanto Tony Incenzo. Apaixonado pelo Queens Park Rangers, o fã se orgulha de um feito incrível. Ele tem ido a todos os jogos em casa desde abril de 1973. Ao todo, já são 1.079 partidas, de liga, copa ou amistosos.

“Nasci em Dublin (na Irlanda), mas cresci no noroeste de Londres. Fui levado por minha família para ver o QPR, clube local. E desde criança virei um seguidor do time”, conta o jornalista de 52 anos, que trabalha na rádio Talksport e na Sky TV, redes esportivas da Inglaterra.

“Desde os 10 anos, vejo todos os jogos em casa do QPR”. (Tony Incenzo)

Em sua casa, em Londres, quatro quartos são dedicados às quinquilharias de futebol, principalmente do time de coração. “São milhares de coisas! Na minha coleção de programas de jogo do QPR, só faltam três, de amistosos obscuros, de 1945 para cá”, registra.

Em seu casamento, em maio deste ano, é lógico que o time estava ao lado. Através de cachecóis, por exemplo. E, um privilégio, a presença de três lendas do QPR – Gerry Francis, Kevin Gallen e Rufus Brevett. “Não tem problema com minha esposa (quanto a essa paixão)”, garante.

Tony Incenzo casou com adereços do QPR e a presença de três ídolos do time (Foto: Acervo pessoal)
Tony Incenzo casou com adereços do QPR e presença de três ídolos do time (Foto: Acervo pessoal)

2 mil estádios na lista

Se assistir mil partidas seguidas em casa parece louco, Tony tem outra marca absurda. Até a publicação desta matéria, ele viu jogos em 2.014 estádios, em 36 países. Groundhopper, como se chama na Inglaterra quem viaja para conhecer campos, o torcedor bota o pé na estrada nos fins de semana sem jogos do QPR no Loftus Road.

“Comecei a viajar aos 10 anos, e ainda adolescente já tinha visitado todos os campos dos 92 clubes da Football League (as quatro principais divisões do país) e da Liga Escocesa. Desde então expandi o giro por divisões inferiores”, descreve. “O verdadeiro futebol existe ao nível non-league”.

O estádio de número 2.000 em sua vida foi o do FC United of Manchester, time da 7ª divisão fundado por torcedores dissidentes do Manchester United. “São os fãs mais apaixonados que eu conheci”, elogia Tony, que já visitou todos os clubes das 16 principais divisões da Inglaterra.

> LEIA TAMBÉM

Seu nome já entrou para o Guinness Book, ao lado de 250 groundhoppers, após a turma assistir a cinco partidas em cinco estádios diferentes num único dia, pela Central Midlands League, em março de 2004. “Recebemos certificado e tudo”, canta vantagem.

O feito mais incrível não foi para o livro dos recordes, mas bem que merecia, tamanha a loucura. Tony já assistiu a um jogo dentro de uma prisão, a Feltham, em Middlesex, em 2011. A equipe dos presos, a Phoenix FC, receberia o Hanworth Villa Vets para um duelo atrás da grades.

“Tive uma permissão especial para acompanhar, mas não podia levar telefone, nem câmera. Eu, o árbitro e os jogadores adversários passamos por detector de metais, revista corporal e muitos portões, um processo que levou 45 minutos. No jogo, fui o único espectador”. Sozinho, mas feliz.

Clique no link e leia também:

Ingles-tem-1-milhao-de-programas-de-jogo
Inglês tem 1 milhão de programas de jogo


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: