Verminosos por futebol

https://goo.gl/HjLRc6

Deu a louca

Inglês viu jogos em 2 mil estádios

Graeme Holmes já assistiu a 5 mil jogos, em 2.044 estádios diferentes de 26 países

Graeme Holmes, torcedor do Everton, já foi a cerca de 5 mil jogos, em 2.044 estádios (Foto: Acervo pessoal)
Graeme Holmes, torcedor do Everton, já foi a 5 mil jogos, em 2.044 estádios (Foto: Acervo pessoal)

Se houvesse uma publicação com guia de turismo de estádios, Graeme Holmes deveria ser consultado. Poucas pessoas no mundo já foram a tantos. Em sua vida futebolística, o inglês contabiliza números absurdos: ele assistiu a cerca de 5 mil jogos, em 2.044 estádios diferentes de 26 países.

Graeme é um groundhopper inveterado. O termo em inglês designa fãs de futebol que curtem ir a jogos em estádios que desconhecem. Até a publicação desta matéria, o contador de Liverpool somava 1.623 estádios da Inglaterra e de Gales, 105 da Escócia e 316 do restante da Europa.

> LEIA TAMBÉM

A mania começou em 1988, quando o torcedor fanático do Everton iniciou sua odisseia de ver jogos dos 92 clubes das quatro principais divisões da Inglaterra. Não satisfeito, ele partiu para os 40 maiores times da Escócia, e em seguida os mais relevantes de Gales.

Então, Graeme começou uma maratona por divisões inferiores, incluindo as 29 principais ligas inglesas, intercalando com viagens para países europeus. “Vou para novos estádios sempre que posso, geralmente no fim de semana. Mas só quando o Everton não joga em casa”, salienta.

Graeme Holmes já foi a 1.623 estádios de Inglaterra e Gales, das 29 principais ligas (Foto: Acervo pessoal)
Graeme já foi a 1.623 estádios de Inglaterra e Gales, das 29 principais ligas (Foto: Acervo pessoal)

O esclarecimento faz todo o sentido. O torcedor não perde um jogo do clube de Liverpool por nada. Ou quase nada. Ao todo, Graeme foi a 1.207 partidas dos Toffees. Desde 1992, só não assistiu a dois compromissos em casa.

“Na minha primeira ausência, reservei um cruzeiro pelo Caribe e não esperava que haveria dois jogos em casa seguidos. No segundo, fiz uma viagem à Alemanha para ver Stuttgart e Kaiserslautern”, relata o contador, de 51 anos.

“Vou para novos estádios sempre que posso, geralmente no fim de semana. Mas só quando o Everton não joga em casa”. (Graeme Holmes)

Graeme é capaz de passar horas desfiando causos. No mais engraçado, ele se fingiu de membro de imprensa para conseguir ver um jogo do Besiktas que, como punição a torcida, contou somente com mulheres e crianças na arquibancada. “Foi uma experiência bizarra”, constata.

As torcidas mais apaixonadas que conheceu, aponta o inglês, foram as de Borussia Dortmund, Napoli e Fenerbahce. Das idas a campos ele guarda, além de muitas histórias, os ingressos e programas de jogo como recordação. “Coleciono miniaturas de estádios também. Tenho 25”.

> LEIA TAMBÉM

Para sua sorte, a mania tem apoio em casa. “Minha ex-esposa foi comigo a jogos na Escócia. Já minha atual namorada gosta de futebol, mas não me acompanha tanto. Quando viajo com ela, vejo no máximo dois ou três. Se estou com meus amigos, assisto quantos for possível”. Imagina quantos…

(*) Graeme Holmes lidera ranking de estádios visitados no app Groundhopper, com 1.400 dentre os disponibilizados no programa. Cerca de 600 não estão cadastrados.

Clique no link e leia também:

Ingles-tem-1-milhao-de-programas-de-jogo
Inglês tem 1 milhão de programas de jogo


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: