Verminosos por futebol




Deu a louca

Kyikatejê estreia na 1ª divisão do Pará

Quando o Gavião Kyikatejê entrar em campo neste sábado, às 19 horas, no estádio Zinho de Oliveira, para enfrentar seu […]

Kyikateje-3
O Kyikatejê, primeiro time de índios do Brasil, joga pela 1ª vez na elite do Pará (Fotos: Divulgação)

Quando o Gavião Kyikatejê entrar em campo neste sábado, às 19 horas, no estádio Zinho de Oliveira, para enfrentar seu rival de Marabá, o Águia, o povo indígena do Pará já terá o que comemorar. Pela primeira vez na história do futebol brasileiro, o clube de uma tribo de índios disputará a primeira divisão de um campeonato estadual.

O Kyikatejê, primeiro time indígena profissional do país, alcançou a classificação para a elite paraense após cinco tentativas. Fundado em 2009, o clube sempre parou na disputa da 2ª divisão. Vice-campeã de 2013, em outubro, a equipe entra na disputa da seletiva da 1ª divisão de 2014, fazendo o jogo de abertura da temporada de estaduais.

Kyikateje-1
Treinos com tradições indígenas deram lugar a preparação física mais profissional. A corrida com toras, tradição cultural e esportiva entre os Kyikatejê, agora é só uma recreação

Curiosamente, o Kyikatejê conseguiu sucesso quando deixou de lado a base indígena. Permaneceram apenas cinco jogadores da tribo, sendo contratados 22 profissionais. O primeiro treinador índio do país, Pepkrakte Jakukrekaperi, o Zeca Gavião, fica na presidência. O treinador será Vitor Jaime, ex-Águia.

Com isso perdeu espaço o treinamento que chamava a atenção para a equipe em seu surgimento, que contava com tradições como corrida de toras. A tribo, de cerca de 190 índios, está localizada em Bom Jesus do Tocantins (a 600 km de Belém), mas representa Marabá, de onde está distante 32 km da sede.

> LEIA TAMBÉM

O Kyikatejê, o “povo do rio de cima” em português, disputará a seletiva do Parazão ao lado de Águia, Castanhal, Independente, Parauapebas, São Raimundo, Time Negra e Tuna Luso. Os dois primeiros nesse octogonal avançam à fase decisiva do campeonato, onde já estão garantidos Paysandu, Remo, Cametá, Paragominas, Santa Cruz e São Francisco.

Quem gostou da nova fase do Kyikatejê foram os locutores, que tinham dificuldade para falar nomes de jogadores como Pryjo e Kaprektyre. “Eles nunca diziam certo”, lembra Zeca Gavião. O time está menos índigena, mas mesmo assim sua presença em campo será motivo de orgulho para os 16 mil índios do Pará.

O Kyikatejê percebeu que, para ter sucesso no Campeonato Paraense, precisava trabalhar o futebol de forma mais profissional”. Pedro Correa, diretor de futebol do clube.

Kyikateje-2
O Kyikatejê foi vice-campeão da 2ª divisão do estadual do Pará, em final disputada em outubro

KyikatejePerfil do clube:

Nome: Gavião Kyikatejê Futebol Clube
Apelido: Time dos Índios
Fundação: 2009
Estádio: Zinho de Oliveira, em Marabá-PA, de 4 mil lugares (municipal)
Campanhas: 2ª divisão do Pará – 2009 (6º), 2010 (3º), 2011 (7º), 2012 (7º) e 2013 (2º)

Site do Kyikatejê:
www.gaviaokfc.com.br
Facebook do Kyikatejê:
www.facebook.com/gaviaokfc

Matéria sobre a final da 2ª divisão do Pará de 2013:

Matéria sobre a pré-temporada de 2013 do Kyikatejê:

Atualização em 24/12/2013:

O Verminosos por Futebol ganhou do Kyikatejê duas camisas do time. Uma raridade, pois o uniforme não é vendido em lojas.

Kyikateje-camisas
O Kyikatejê é de Bom Jesus do Tocantins, mas representa Marabá (Foto: Verminosos por Futebol)

Clique no link e leia também:

Santa-Cruz-de-Cuiarana-sensacao-de-2013
www.verminososporfutebol.com.br/papo-serio/santa-cruz-de-cuiarana-sera-sensacao-de-2013


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: