Verminosos por futebol

Classic Football Shirts

Jogo lúdico

Fã do Superstar Soccer faz edição de jogos com narração e caracteres de game

Relembrar jogos dos anos 90 fica ainda melhor com narração de game do Super Nintendo

Um dos vídeos traz a final da Libertadores de 1999, título do Palmeiras (Foto: Reprodução)
Um dos vídeos traz a final da Libertadores de 1999, título do Palmeiras (Foto: Reprodução)

Dificilmente você verá no Youtube coisas de futebol tão originais quanto as de Leonardo Azevedo. O produtor audiovisual passou a se dedicar a fazer vídeos com melhores momentos de jogos com narração e caracteres de games de futebol do Super Nintendo. Mais especificamente, as versões com áudio e texto em português do International Superstar Soccer.

Os vídeos são publicados no canal pessoal de Leonardo. Um dos trabalhos de maior sucesso reproduz o título do Palmeiras na Libertadores de 1999, com as características que ficaram na memória através de hacks como Campeonato Brasileiro 96 e Ronaldinho Soccer 97. A criatividade gerou muitos elogios do público – e emoção no editor dos vídeos.

“Uma mensagem que me fez chorar foi de um rapaz que falou que viajou no tempo e lembrou que voltava da escola com o irmão pra jogar videogame. Ele diz que infelizmente o irmão faleceu, mas que, depois que viu o vídeo do Palmeiras com a narração, ficou lembrando dos momentos bons que teve com o irmão, e me agradeceu muito”, relata o paulista, de 27 anos.

Empolgado com a receptividade, o produtor audiovisual prepara o lançamento de um canal próprio, que dentre outras coisas terá esses vídeos com melhores momentos de jogos com narração e caracteres de videogame. Entre os jogos já prontos, os títulos do Vasco na Libertadores de 1998, do Grêmio na Batalha dos Aflitos em 2005 e do Corinthians no Mundial de 2012.

“Eu finalmente consegui montar toda a estrutura que planejava para iniciar meu canal no Youtube. Como eu adoro futebol, e adoro Super Nintendo, acho que vou abusar das narrações com vários times”, adianta Leonardo, torcedor do Palmeiras. “Tô só esperando o momento certo”. Já estamos na expectativa disso.

O paulista Leonardo Azevedo é formato em Produção Audiovisual (Foto: Acervo pessoal)
O paulista Leonardo Azevedo é formato em Produção Audiovisual (Foto: Acervo pessoal)

“Desde pequeno eu imito o narrador do Superstar Soccer”

Verminosos por FutebolComo foi tua relação com o Superstar Soccer?
Leonardo Azevedo – Eu sempre gostei muito de futebol. Quando eu tinha uns 8 anos, meu pai me comprou um Super Nintendo com a fita Ronaldinho Soccer 98, que é um hack do International Superstar Soccer Deluxe. Já joguei esse jogo também no Mega Drive de um amigo, mas no Super Nintendo eu tive meu primeiro contato com o futebol virtual. Passava horas e horas jogando. Não só joguei a versão original, mas também Campeonato Brasileiro 96, Ronaldinho Soccer 97 e Campeonato Argentino 96, todos para o Super Nintendo, além do meu primeiro jogo, Ronaldinho Soccer 98. Desde pequeno eu fico imitando o narrador desse jogo, então eu tenho na mente cada frase que ele possa falar em algum momento do futebol.

VerminososQuando começou a fazer edições de jogos com a narração em português do Superstar Soccer?
Leonardo – Em 2012, pouco depois de ter terminado a faculdade de Produção Audiovisual, eu já tinha projetos não só pra narração de jogos, mas também pra gravar meus amigos jogando e por cima colocar a narração. Eu havia visto um vídeo do Grêmio campeão do mundo com a narração, só que com os áudios bem fora de sincronia. Então resolvi fazer algo bem especial. Comecei fazendo a semifinal da Libertadores de 1999 pra mostrar pra um amigo meu, aí alguém comentou pra fazer os dois jogos da final. Pensei que ficaria muito repetitivo fazer os dois, então fiz somente a final da Libertadores de 1999 (escolhi esse jogo porque foi o mais emocionante. Gol, pênalti, expulsão, pênaltis… daria muita emoção e nostalgia).

VerminososJá fez quantos vídeos nesses moldes?
Leonardo – Nesse modelo eu tenho no meu canal sete vídeos, porém ajudei o “Canal Palmeirense” e o “Cruzeiroteca” a produzirem mais três nos mesmos moldes. Já fiz também um completo da final da Copa de 2002, porém ao colocar ele no meu canal, tive reivindicações do Youtube, fiquei com medo de perder o canal e então não coloquei.

“Tenho na mente cada frase que o narrador possa falar em algum momento do futebol”. (Leonardo Azevedo)

VerminososQuais jogos ganharam as versões com áudio do Superstar Soccer?
Leonardo – Já tenho pronto Vasco na Libertadores de 1998, Corinthians no Mundial de 2012, Grêmio na Batalha dos Aflitos em 2005, entre outros, além de estar trabalhando num do Palmeiras da Copa do Brasil de 2015. Tô só esperando o momento certo de soltar esses vídeos na rede. Eu gosto de pegar jogos que marcaram a vida de alguém. Inclusive, se você tiver alguma sugestão de jogo, eu agradeceria muito!

VerminososQuanto tempo de trabalho leva para fazer um vídeo desses? Você usa qual programa?
Leonardo – O correto é demorar cerca de uma semana se eu pegar bem firme, pois são muitos detalhes não só do jogo em si, mas também para o áudio do Super Nintendo! Cada movimento precisa do áudio específico. Às vezes o som é quase imperceptível, mas se eu não colocar o pessoal sente falta. É trabalhoso, mas eu adoro! Utilizo o Sony Vegas, pois é mais simples pra utilizar, tendo assim os controles de maneira mais rápida.

VerminososQual a principal dificuldade ao fazer um vídeo desse?
Leonardo – Começa por encontrar o jogo completo e identificar possíveis lances que a narração se encaixe melhor. Num jogo do Superstar Soccer, são 5 minutos em que a narração rola o tempo todo. Num jogo de futebol, apesar de 90 minutos, alguns momentos ficariam chatos só com o áudio da torcida de fundo. Isso que faz o vídeo ser difícil. O desafio mesmo é pegar as melhores partes de uma possível narração pra, quando o espectador assistir o jogo, pensar que é um videogame ou lembrar do tempo dele.

VerminososComo é a receptividade do público?
Leonardo – Quando eu fiz o vídeo, foi pra mostrar pra alguns amigos, tanto é que demorou dois anos pra ele “explodir”. O vídeo tinha 30, 35 visualizações, e ficou assim por muito tempo. Quando muita gente começou a assistir e os comentários começaram a chegar, eu me surpreendi. Foram muitos elogios, muita gente falando que adorou, que quer mais, outros dando sugestão, foi maravilhoso! Só tive elogios! Um que me fez chorar foi de um rapaz que falou que foi um trabalho excelente, fazendo ele voltar no tempo e lembrar que voltava da escola com o irmão pra jogar videogame. Ele diz que infelizmente o irmão faleceu, mas que, depois que viu o vídeo do Palmeiras com a narração, ficou lembrando dos momentos bons que teve com o irmão, e me agradeceu muito.

“Foram muitos elogios, muita gente falando que adorou, que quer mais, outros dando sugestão, foi maravilhoso!” (Leonardo Azevedo)

VerminososJá pensou em trabalhar como editor de vídeo em empresas?
Leonardo – Já pensei sim! O único impasse é que, nos lugares em que fui tentar algo, a pergunta era sempre a mesma: “Quem te indicou?” Mesmo assim, ainda procuro trabalho no meio audiovisual.

VerminososQuando pensa em fazer dessa ideia um canal de Youtube?
Leonardo – Eu finalmente consegui montar toda a estrutura que planejava pra iniciar meu canal no Youtube. Já tenho algumas ideias do que fazer, do que falar e de como fazer. Terá sim muitos vídeos nesse segmento misturando realidade com coisas do videogame, mas eu pretendo mais ter um tipo de vlog colocando coisas que gosto do que só um segmento de vídeo, variando bastante. Mas como eu adoro futebol, e adoro Super Nintendo, acho que vou abusar das narrações com vários times.

> O paulista Leonardo Azevedo Bonfim Bastos, de 27 anos, mora em São Paulo, é torcedor do Palmeiras, funcionário dos Correios, e nas horas vagas atua como fotógrafo, cinegrafista de casamento, produtor audiovisual e radialista.

Serviço:

Contatos – bomfimbastos@hotmail.com, FacebookPerfil no Youtube.

Veja alguns vídeos:


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: