https://goo.gl/HjLRc6

Papo sério

Nenhuma loja tem camisas do Leicester

Se fã brasileiro quiser ver o jogo decisivo vestido com a camisa atual, ficará no gostinho
Postado por Rafael Luis Azevedo - 22/abr/2016
Não é possível encontrar camisa do Leicester nas principais lojas online do Brasil (Foto: Reprodução)

Não é possível achar camisa do Leicester em lojas online do Brasil (Foto: Reprodução)

Grande surpresa desta temporada no futebol europeu, o Leicester City está próximo de um feito incrível. O provável título inglês, diante da concorrência de elencos bilionários, será lembrado por muitos e muitos anos. Mas, se algum fã brasileiro quiser assistir ao jogo decisivo vestido com a camisa atual do time, ficará no gostinho.

Nenhuma das principais lojas online de produtos esportivos ou de futebol do país oferece a camisa do Leicester. Faça a pesquisa nos sites. Nem a Centauro, nem a Netshoes, nem a FutFanatics, nem a Só Futebol Brasil. Ninguém vende blusa da zebra do ano. Nem mesmo a loja brasileira da Puma, fornecedora do clube há quatro anos.

A ausência de camisas do Leicester no mercado brasileiro se deveu ao descrédito inicial de que o time, 14º colocado na temporada passada, tivesse sucesso na atual Premier League. Por isso, o patrocínio da Puma envolvia a venda de produtos somente em lojas da Inglaterra, com projeção de 20 mil camisas por ano.

> LEIA TAMBÉM

“Infelizmente, não temos previsão de receber as camisas do Leicester ainda este ano. Em virtude do seu desempenho, porém, fomos informados que a Puma irá comercializar os produtos no Brasil a partir de janeiro de 2017”, adianta Lucas Ferracioli, coordenador de comunicação e marketing da FutFanatics.

Contactada pelo Verminosos por Futebol, a loja da Puma no Brasil não sinalizou prazo para o início das vendas. Porém, a FutFanatics obteve a informação de que mesmo na Inglaterra as camisas da sensação da Premier League já se esgotaram. “A procura por produtos do Leicester cresceu significativamente nos últimos meses”, constata Lucas.

“A procura por produtos do Leicester cresceu significativamente nos últimos meses”. (Lucas Ferracioli, da FutFanatics)

Também consultados sobre o motivo da ausência de camisas do clube em seu estoque, Netshoes e Só Futebol Brasil não retornaram até a publicação desta matéria.

Torcedores na mão

A situação gera ansiedade em alguns fãs. “Acompanho a Premier League há 12 anos, e estou procurando a camisa há algum tempo, mas não consigo achar. Só me resta comprar uma réplica no Ali Express ou arriscar no Mercado Livre, em que não sei a procedência”, reclama o cearense Daniel Herculano, torcedor do Arsenal e autor do site Clube Cinema.

Ali Express oferece as blusas titular ou reserva por preços a partir de 12 dólares (cerca de R$ 45) – cinco vezes abaixo das originais de outros times ingleses. “Queria muito a camisa do Leicester. Será histórica”, comenta Daniel. Nesse caso, o jeito será apelar a uma réplica. E quem sabe ela chegue a sua casa lá pro fim do ano.

Atualização em 3/5/2016:

Após a publicação da matéria, a Centauro encaminhou resposta, através de sua Fanpage, texto assinado por Fernando Cesar Carvalho, gestor de produtos. A íntegra segue abaixo.

“Os fornecedores de material esportivo exigem uma quantidade mínima para importação de produtos, como acontece com as camisas de Arsenal e Borussia Dortmund por exemplo (times também patrocinados pela Puma). Essa quantidade é definida com 8 meses de antecedência devido a tempo hábil para produção, logística, etc. Posso estar muito enganado, mas há 8 meses ninguém apostaria no Leicester City como campeão da Premier League. Só conseguimos encontrar atualmente no Brasil em lojas que fazem importação direta, o que acaba fazendo com que o preço fique acima do praticado nas demais camisas. Temos recebido muitas buscas no site da Centauro. Como base de comparação, a busca pelo termo ‘Leicester’ nos últimos dois meses foi maior do que os termos ‘Arsenal’ e ‘Borussia’ juntos”. 

Clique no link e leia também:

Saiba como faturar graças ao Leicester

Conheça o autor

O jornalista Rafael Luis Azevedo, de 33 anos, é editor do site Verminosos por Futebol desde 2012. Já venceu 21 prêmios de jornalismo, incluindo Esso, Embratel e Petrobras. É também coordenador do portal Tribuna do Ceará, e teve passagens por jornal O Povo, O Povo Online e TVs Jangadeiro/SBT, O Povo/Cultura e Cidade/Record. Já fez reportagens ou produção para as revistas Four Four Two (ING), So Foot (FRA), Courrier International (FRA) e Placar, os sites BBC Brasil, Vice e Agência Pública e as TVs France 2 (FRA) e Fusion (EUA). Cobriu duas Copas do Mundo in loco e foi co-autor de livros sobre o Ceará e o estádio Presidente Vargas.

Compartilhe:

// Categorias

// histórico de publicações

Arquivos

https://goo.gl/HjLRc6




// As mais lidas

Http://www.AUTO-doc.pt

https://goo.gl/HjLRc6