Verminosos por futebol




Viagem no tempo

Corintiano conhece origem do Corinthians

O paulista Thiago Cafardo, 33, é um coritiano roxo. Como raros que conheço. No mês passado esse amigo, que morou […]

O paulista Thiago Cafardo, 33, é um coritiano roxo. Como raros que conheço. No mês passado esse amigo, que morou em Fortaleza entre 2004 e 2012, realizou um sonho que é privilégio para poucos. Ele assistiu a um jogo do Corinthian-Casuals, modesto clube inglês que originou o primo brasileiro.

Jornalista, Thiago enviou ao Verminosos por Futebol um texto sobre a experiência, além de fotos. Na passagem por Londres que vai durar seis meses, ele também já foi a jogos do West Ham e do Arsenal. “Minha meta é ir pelo menos uma vez a cada estádio de Londres”, conta. Nenhum deles vai superar a relação íntima com o campinho do Casuals.

corinthian-ingles-6

Depoimento de Thiago Cafardo:

“Conheci o Corinthian-Casuals há 24 anos. Na manhã ensolarada de um domingo de 1988, o Corinthians enfrentava o primo mais velho em um amistoso no Pacaembu. Lembro que vi na TV Bandeirantes ídolos como Sócrates, Rivellino, Zé Maria e Wladimir atuando pelos paulistas. E me tornei curioso para saber mais sobre aquela equipe de uniforme estranho que levava (quase) o mesmo nome do meu time de coração.

Desde então, comecei a ler sobre a história do clube inglês. Sempre pensava comigo: ‘Um dia ainda vou conhecer os Casuals’. E consegui tornar realidade há um mês, no dia 8 de setembro, um sábado. Acordamos cedo (eu e minha na namorada) e saímos de casa às 11h30min. O caminho era longo, já que a sede do Corinthian-Casuals fica no subúrbio de Londres. Três horas, dois metrôs e três ônibus depois, por volta das 14h30min, chegamos ao destino final.

O local em nada lembra um clube de futebol. Mais parece a entrada de uma fazenda, onde uma placa de madeira dá as boas vindas ao visitante do Corinthian-Casuals FC. A estrutura do estádio lembra a dos campos de várzea brasileiros, com arquibancada pequena e de madeira. Dentro da sede social, um pub divide espaço com a sala de troféus e as fotos antigas (muitas fazem referência ao parente brasileiro). Tomar uma cervejinha britânica assistindo a um jogo de futebol é um dos prazeres que o clube proporciona.

Assim que entrei no estádio, me senti voltando na história do Corinthians. Fiquei arrepiado em conhecer o clube que motivou a fundação do meu time, há 102 anos. Na torcida, outros corintianos residentes em Londres adotaram os Casuals. Camisas e bandeiras alvinegras são vistas no acanhado estádio.

Confesso que não prestei muita atenção no jogo. Tentava registrar cada momento com fotos e vídeos e me pegava olhando ao redor, vendo as reações daqueles senhores que torcem com prazer para um time semi-amador da 9ª divisão do Campeonato Inglês. Bom, o resultado de 1 a 0 para o Burgess-Hill não fez a menor diferença para mim. Um dos meus sonhos já estava realizado: conhecer onde tudo começou.”

Saiba mais

O Corinthian-Casuals nasceu em 1939, da união de dois clubes, o Corinthian, fundado em 1882, e o Casuals, de 1883. O Corinthian inspirou o surgimento do Corinthians após excursão ao Brasil, em 1910.

O Corinthian, conhecido por suas excursões que disseminavam o futebol pelo mundo, era uma potência. Nos seis jogos no Brasil, venceu todos, a maioria por goleada, e todos contra times expressivos. Na época, chegou a golear o Manchester United por 11 a 3, em 1904.

O uniforme do Corinthian inspirou o Real Madrid. Seu uniforme era branco, mas após fusão com o Casuals se tornou camisa metade marrom, metade rosa, combinação pouco comum.

O Corinthian-Casuals está baseado na cidade de Tolworth, na região de Londres, e joga no estádio King George, de 2.700 lugares.

Galeria de fotos do passeio ao Corinthian-Casuals:

 


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: